Ativos x Passivos

É o seguinte. É triste esse fato mas infelizmente nosso sistema educacional é falho quanto se trata de educação financeira, porque apesar dele nos ajudar a conseguir um bom emprego e faz isso relativamente bem ele quase não aborda nada sobre como ganhar e gerenciar bem o dinheiro. Aí a sociedade com um todo acaba carecendo disso. Daí às vezes surge aquela aversão até pra falar sobre dinheiro mas, contraditoriamente ao mesmo tempo trabalha exclusivamente por ele. Por causa da carência de educação financeira no sistema educacional não aprendemos a fazer o dinheiro trabalhar pra nós. Pra começar a aprender isso, a primeira coisa a se saber bem é a diferença entre ativos e passivos. 

Superficialmente ativo é tudo aquilo que traz mais dinheiro pro seu bolso e passivo é tudo aquilo que tira dinheiro de seu bolso. É um engano acreditar que uma fazenda, casa ou um carro são ativos se sempre é preciso pagar despesas como IPVA, IPTU, seguro, manutenção. Sendo desse jeito eles apenas tiram dinheiro do seu bolso. Ativos de verdade são aplicações financeiras, ações, títulos, fundos de investimento, imóveis que geram renda, um negócio próprio ou coisas semelhantes.

Pode reparar, a primeira coisa que a grande maioria das pessoas faz quando recebe o salário é comprar passivos: Uma TV mais atual, um smartphone novo, um carro novo, enfim, algo que não lhe dê algum retorno financeiro. E essas pessoas podem até ter um salário bom e parecerem ricas mas no final elas ficam presas em um conjunto de dívidas e sendo vítimas de uma única fonte de renda. Caso algo ocorra pra prejudicar essa fonte de renda, ferrou. 

Tem gente assim que toma empréstimo pra pagar dívidas. Na maioria das vezes essas pessoas só são vítimas dessa falta dessa educação financeira, são cercadas por uma sociedade também ignorante no assunto, somado com as circunstâncias que ela viveu e a fizeram chegar numa situação dessas. A Figura 1 ilustra o fluxo dos rendimentos com e sem ativos. A renda passiva vem dos lucros e proventos vindos dos ativos.

Figura 1: Ilustração do fluxo dos rendimentos

Sempre devemos investir em nós primeiro, devemos nos pagar antes. Gastar depois. E uma forma de se pagar é comprando ativos. Cada real que emprega num ativo é um real que trabalha pra você. 

Nos próximos posts eu vou abordar esses ativos especificamente, falar dos diferentes tipos, como se comportam e lhe mostrar esses detalhes pra você saber qual se adequa melhor ao seu perfil, aí você vai ter condições de pelo menos engatinhar, mas meu objetivo é passar mais informação pra você caminhar com as próprias pernas.  Mostrando os diferentes tipos de ativos nos textos seguintes você vai ver que a famosa POUPANÇA, que todo mundo conhece, é só mais um deles.

Deixe um comentário